05 março, 2015

No Acre, mais atos patéticos, mais promoção barata


Por Ruy Cavalcante

Ontem, dia 04 de março de 2015, após dias em que o Rio Acre não parava de subir, fato esse que ocasionou a pior enchente da história dos municípios acrianos de Brasiléia, Xapuri e, por último, Rio Branco, o mesmo começou a dar sinais de vazante. Primeiramente estabilizou por volta das 17 horas nos 18.40 mt (O recorde histórico havia sido de 17.66 mt). 


A partir das 23 horas iniciou-se uma vazante, ainda tímida, mas que no exato momento em que escrevo estas linhas, somam-se 7 centímetros, marcando assim 18.33 mt. A situação ainda é de absoluta calamidade, mas esta pequena vazante já nos trás esperanças de que em pouco tempo o rio chegará a sua profundidade normal.


Pois bem, acontece que hoje pela manhã, em Rio branco, um grupo de mais de 60 pastores, “apóstolos”, e demais membros de igrejas evangélicas desta capital, encabeçados pelos líderes das maiores igrejas do estado, como a “apóstola” Deise, da Igreja Renovada, o Pr. Agostinho, da Igreja Batista do Bosque, Daniel Batistela (Jocum) dentre outros, com a presença da Primeira Dama do município e também da vice Governadora, se dirigiram até uma das pontes centrais para realizar orações e atos proféticos, declarando que o rio diminuiria suas águas, acabando com o sofrimento do povo, lançando a bandeira do estado, ungida com óleo, nas águas barrentas do Rio Acre.


Aproveitaram para culpar a população pela cheia do rio, pedindo perdão pelas “orgias” comparadas a Sodoma e Gomorra, ocorridas especialmente no município de Brasiléia, que culminaram com esse “castigo”.


Obviamente que, com a atual conjuntura, o rio irá baixar, nem precisaria de metereologistas, tampouco de revelações sobrenaturais para saber. Este é, portanto, o momento ideal para que os aproveitadores se passem por profetas, demonstrem seus “poderes” e decretem seus milagres.

Foi isso o que aconteceu hoje. 

O pior de tudo é que legiões de evangélicos, ignorantes biblicamente, exaltarão os feitos dessa gente, como já está acontecendo pelas redes sociais. Estou recebendo relatos e mais relatos dessa natureza. Pessoas até sinceras, mas completamente enganadas, crendo que tais atos podem reverter a ação da natureza por si só, creditando na conta de falsos profetas um milagre inexistente.


Eu pergunto a estes irmãos: Vocês não se questionam o por quê de essa gente, que afirma possuir tanta unção, tanta fé, tanto poder, não realizaram tais atos quando a notícia de que o rio subiria foi dada pela defesa civil, impedindo assim toda essa tragédia? Vocês não se perguntam por quê só agora, depois que a mesma defesa civil anuncia que o rio iniciou o processo de vazamento, é que tais profetas realizam seus atos patéticos?


Hoje será mais um dia em que no meu querido estado do Acre, os falsos profetas serão exaltados, mais um dia de tristeza para os que amam e zelam pelo verdadeiro Evangelho, mais um dia em que esse mesmo Evangelho será achincalhado por aqueles que deveriam amá-lo.


Deus tenha misericórdia de todos nós, acrianos. Deus tenha misericórdia de seu povo e de seus líderes, abrindo seus olhos e dando-lhes verdadeiro arrependimento por todo esse delírio apostólico.



0 comentários:

Postar um comentário

Somente comentários ofensivos serão moderados. Discordar de mim não é pecado, então discorde à vontade.